fbpx

Linha Completa de cosméticos residenciais

comercial@casaqualy.com.br

Alerta: tá calor!

Verão é para curtir e também para redobrar os cuidados com a Dengue

Todo brasileiro sabe o que significa janeiro no Brasil. Sol, praia, comemoração e descanso para renovar as energias para o novo ano que começa. Essa época de estação quente e chuvosa pode ser muito boa, mas também é época de estarmos em alerta. Pois é, esse é o momento de maior preocupação em relação a tão temida Dengue.

Por isso, a Casa Qualy foi conversar com uma bióloga do Programa Municipal de Controle a Aedes. Esse programa existe desde 2002 com o intuito de monitorar todos os movimentos desse mosquitinho – Aedes aegypti – que pode nos fazer muito mal.

Tatiana Robaina, bióloga do Programa Municipal de Controle da Aedes, e Patricia Munhoz, repórter da Casa Qualy

Entre as diversas atividades do programa que é norteado por diretrizes nacionais, ou seja, o Ministério da Saúde, está: monitoramento do vetor por armadilhas em pontos estratégicos que são lugares de maior risco, com visitas regulares; levantamento de índices; atividades educativas em empresas e praças, dependendo das necessidades e também mutirões de limpeza em parceria com a Secretária Municipal do Meio Ambiente.

Com uma rotina intensa, a bióloga Tatiana Robaina coordena todas as estratégias de campo realizadas nas regiões. “São 10 distritos sanitários com 59 agentes atuando em campo, eu acompanho o trabalho desses agentes”, explica Tatiana em meio a risadas por lembrar que este é período mais tenso de seu trabalho.

Quando eu pergunto sobre as variações do vírus, a bióloga informa que Curitiba nunca teve índice, ou seja, nossa cidade tem menos de 1% de vetor da dengue. “A maioria dos casos que aparecem aqui são de pessoas que vieram de outro lugar já com o vírus”.  Essa é uma boa notícia, mas isso não quer dizer que nós curitibanos não precisamos nos preocupar.

PRINCIPAIS SINTOMAS
  1. Febre alta > 38.5° C
  2. Dores musculares intensas
  3. Dor ao movimentar os olhos
  4. Mal estar
  5. Falta de apetite
  6. Dor de cabeça
  7. Manchas vermelhas no corpo

Agora, você sabe por que esse é o momento de maior alerta? Eu perguntei e a Tatiana explicou que o tempo normal do ciclo (ovo, larva, mosquito) é de sete a oito dias, mas no verão esse ciclo leva cinco dias. A proliferação é mais rápida.

IMPORTANTE

O Aedes precisa de água parada para se proliferar, por isso é muito importante manter a higiene e evitar água parada todos os dias. Não adianta cuidar apenas nessa época do ano, porque os ovos do mosquito podem sobreviver por um ano até encontrar as melhores condições para se desenvolver.

Aliás, você sabia que o nosso LIMP 200 é o único multi uso limpador perfumado com poderoso bactericida? Pois é, na sua composição há o gluconato de clorexidina que é um antisséptico químico com ação antifúngica e bactericida, capaz de eliminar tanto bactérias gram-positivas quanto gram-negativas. Também possui ação bacteriostática, inibindo a proliferação bacteriana. Se você aplicar este produto em superfícies como pisos, paredes e móveis, vai ajudar na eliminação de larvas de mosquitos e bactérias pesadas. O Limp 200 já é muito usado em sanitizantes hospitalares e industrias de alimentos.

Ressaltamos que nosso produto não é um sanitizante e, sim, um limpador PERFUMADO que tivemos o cuidado de incluir na formulação estes ativos que agem adicionalmente na limpeza sanitizante.  

Siga a gente nas redes sociais

Trabalhamos para manter seu lar aconchegante. Vem com a gente. Cadastre-se e conheça mais.

Newsletter

Cadastre-se para receber nossas novidades